Walmart deve apostar em serviço de streaming - SuperVarejo
Walmart deve apostar em serviço de streaming

Walmart deve apostar em serviço de streaming

A rede supermercadista Walmart deve partir para o segmento de streaming e, dessa forma, passar a concorrer com a Netflix e também com a Amazon, conforme apontam informações de fontes internacionais.

A proposta da gigante varejista é lançar uma plataforma mais competitiva em relação a preços – a companhia planeja que a ferramenta custe menos de US$ 8 ao mês. Para se ter ideia, nos EUA, a mensalidade da Netflix vai de US$ 7,99 a US$ 13,99, enquanto a assinatura da Amazon Prime Video é de US$ 7,90 nos seis primeiros meses. Há também especulações de que o Walmart possa apostar em um serviço gratuito, que se sustente a base de publicidade.

O Walmart já tem um serviço de streaming próprio, o Vudu, que aluga conteúdo audiovisual, mas sem necessitar de assinatura, uma vez que o usuário paga apenas pelo conteúdo que deseja assistir. O objetivo da empresa, porém, é de reestruturar o serviço, alterando o modelo de negócios, além de investir em programas originais.

Esse seria mais uma ação da rede supermercadista para disputar mercado com a Amazon. Há alguns dias, a empresa anunciou parceria de cinco anos com a Microsoft, que deverá resultar na criação da concorrente da Amazon Go, loja sem checkouts, além de compreender projetos nas áreas de inteligência artificial e deep learning.


menu
menu