Vendas para carnaval devem avançar 3% neste ano em SP

Vendas para carnaval devem avançar 3% neste ano em SP

As vendas de itens relacionados ao carnaval podem crescer até 3% nos negócios paulistas, conforme mostram dados de uma pesquisa realizada pela Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Estado de São Paulo (FCDLESP).

Apesar das tradicionais contas que o brasileiro tem que pagar no começo de ano, a exemplo de impostos e compras de volta às aulas, os lojistas estão confiantes para o período. Para 61% dos comerciantes entrevistados, o tíquete médio da época deve girar entre R$50 e R$100, e para 30% deles, deve estar entre R$100 a R$200.

Preparar o sortimento da loja com produtos sazonais pode ser uma opção que se encaixa para alguns comércios, como explica o presidente da FCDLESP, Maurício Stainoff. “Alguns lojistas têm mais facilidade para adicionar itens sazonais, pois o que vendem faz sinergia com o período. O mesmo acontece em regiões que recebem blocos de carnaval, que naturalmente terão mais pessoas circulando e mais uma oportunidade para apostar em novos produtos. Desta maneira, o ganho nas vendas pode ser mais garantido”, avalia o porta-voz da Federação.

Em relação às áreas do estado, para a região metropolitana de São Paulo, a fantasia é o produto mais procurado dos carnavalescos para curtir os blocos de rua. Em Mogi das Cruzes e no bairro São Mateus, acredita-se num crescimento de 5 a 10 % nas vendas, segundo indicam informações dos presidentes das respectivas CDLs, Valterli Martinez e Marcelo Dória.

Um empecilho para os comerciantes, entretanto, são as viagens da população do estado para outras regiões para aproveitar o feriado de carnaval, segundo mostram dados da pesquisa.


menu
menu