Vendas na AmazonFresh crescem com produtos do Whole Foods

Vendas na AmazonFresh crescem com produtos do Whole Foods

A Amazon está atingindo o seu objetivo após a compra do Whole Foods, e suas marcas.  As vendas da AmazonFresh, serviço de entrega de produtos frescos da gigante do e-commerce, totalizaram US$ 135 milhões nos últimos quatro meses de 2017, um crescimento de 35% ante os quatro meses anteriores.

De acordo com o Wall Street Journal e com dados da One Click Retail, entre os itens mais vendidos das marcas próprias pela varejista, estão o espinafre orgânico baby, couve-flor orgânica, manteiga sem sal e bacon defumado, conforme publicação do portal norte-americano The Produce News.

Apesar do aumento das vendas na AmazonFresh no último ano, que somou US$ 11 milhões em produtos naturais e orgânicos da marca 365 Everyday Value, do Whole Foods, o levantamento mostrou que ainda existem alguns caminhos que precisam ser percorridos antes de se aproximar do número  de vendas dos produtos de marca própria dos concorrentes. Segundo estimativas, as vendas dos produtos naturais e orgânicos de marca própria do Kroger aproximam-se do US$ 2 bilhões. Já a rede de supermercados Albertsons informou que as vendas de seus produtos orgânicos representam aproximadamente US$ 1 bilhão.

A Amazon vendeu aproximadamente US$ 2 bilhões em alimentos nos Estados Unidos no ano passado, de acordo com a One Click. Entretanto, somente US$ 350 milhões foram por intermédio do serviço de entrega de produtos frescos, o qual os clientes costumam comprar FLV e carne. O restante foi entregue por meio do Amazon Prime, plataforma padrão da gigante do e-commerce e que geralmente vende alimentos como bebidas e café.


menu
menu