Segundo semestre de 2017 será melhor que primeiro, indicam empresários de BH

Segundo semestre de 2017 será melhor que primeiro, indicam empresários de BH

O segundo semestre de 2017 será melhor que o primeiro para o comércio varejista. A previsão é dos empresários de Belo Horizonte (MG), que participaram da pesquisa “Expectativa de Vendas”, realizada pela área de Estudos Econômicos da Fecomércio MG. Para 70,4% dos empresários, haverá uma expansão dos negócios, principalmente pela chegada de três datas comemorativas: Dia dos Pais, Dia das Crianças e Natal. Outras datas, tais como Black Friday e Cyber Monday, também contribuem para a percepção positiva.

Entretanto, os empresários avaliam que a crise econômica é o principal fator que poderia atrapalhar a melhora dos negócios (53,4%), seguido por incertezas políticas (21,4%). Outros problemas seriam a cautela do consumidor (13,7%) e a inadimplência (11,2%).

Para combater as possíveis dificuldades, 48,2% das lojas adotarão estratégias como promoções e liquidações para atrair clientes, além de ações publicitárias (15,3%) e diversificação de mix de produtos (9,5%). Ainda há preocupação para oferecer um atendimento diferenciado em 9,3% dos casos.

Um bom resultado no segundo semestre irá contribuir para minimizar o desempenho insatisfatório do primeiro semestre do ano. Na pesquisa da entidade, 61,9% dos entrevistados afirmam que tiveram resultados piores de janeiro a junho, ante o mesmo período de 2016. Em relação ao semestre imediatamente anterior, esse índice foi de 54,9%.


menu
menu