Marcas mais valiosas do Brasil somam US$ 65 bilhões

Marcas mais valiosas do Brasil somam US$ 65 bilhões

A soma do valor total das 60 marcas mais valiosas do ranking anual BrandZ Brasil, realizado pela WPP e Kantar, registrou aumento substancial e juntas valem US$ 65 bilhões. O valor representa um incremento de 22,5% (em dólar) ante 2017. A pesquisa é realizada pelas empresas há 12 anos.

A produtora de bebidas Skol segue na liderança como a marca mais valiosa do Brasil, pelo sexto ano consecutivo, e totaliza US$ 8,2 bilhões. O banco Bradesco manteve-se na segunda posição em relação ao ano anterior, entretanto, aumentou o seu valor em 58%, com US$ 7 bilhões. Em terceiro lugar está o Itaú, que subiu uma posição no ranking e hoje possui valor de US$ 6,1 bilhões, aumento de 42% comparado ao ano passado.

“Este estudo mostra que por detrás de marcas valiosas sempre estão os cinco pilares – propósito, inovação, comunicação, experiência de marca e love brand –  e o estudo valida um pouco a percepção que sempre tínhamos sobre o processo de construção de marcas valiosas. Um exemplo seria a Skol, marca brasileira mais valiosa que se conecta de forma consistente com os jovens e apresenta atributos que combinam alto valor de marca com fatores emocionais”, explicou o CEO da Kantar Consulting para América Latina, Eduardo Tomiya.

Marcas que mais cresceram no Brasil

A Havaianas foi a marca com maior crescimento no Brasil (+156%), subindo 23 posições no ranking (número 31, US$474 milhões). Em segundo lugar está o Magazine Luiza, que avançou 14 posições, com +133% (número 27, US$609 milhões).

Na sequência está o Banco do Brasil, que subiu 15 posições, com +127 (número 38, $425 milhões de dólares) e Arezzo, com 14 posições a mais, +101% (número 45, $327 milhões de dólares).

Setores que mais cresceram no país

O segmento de banco foi o que obteve maior crescimento em relação ao ano anterior (+44) e representa, hoje, quase 26% do total das marcas mais valiosas do Brasil, com valor de US$ 16,6 bilhões, com destaque para Bradesco e Itaú.

Em segundo lugar está o setor de serviços, que cresceu 41% e atualmente conta com um valor total de $13.582 bilhões de dólares, e representa 21% do total das marcas mais valiosas do país. Nessa categoria, estão presentes empresas como Embratel, NET e Totvs.

Na mesma colocação do ano passado, em terceiro lugar, está o varejo, com crescimento de 35% e um valor de $7.348 bilhões de dólares. No segmento estão presente marcas já citadas como: Havainas, Magazine Luiza e Arezzo.


menu
menu