Produção de carne deve crescer pelo menos 10%

Produção de carne deve crescer pelo menos 10%

As exportações de carne bovina brasileira devem alcançar US$ 6,9 bilhões no próximo ano. A expectativa é manter o bom desempenho que o setor conseguiu apresentar em 2017, mesmo com as adversidades da Operação Carne Fraca.

Os principais compradores do produto brasileiro neste ano foram Hong Kong, China, Egito, Irã e Chile e estes devem continuar como importantes parceiros comerciais em 2018. Além disso, a Rússia, um dos países que mais impôs embargos às proteínas brasileiras durante este ano, deve abrir as portas para o Brasil. A informações são do portal Jovem Pan.

De acordo com o presidente da Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne, Antônio Camardelli, as sinalizações têm sido positivas. “Conforme os últimos documentos que a Rússia mandou ao Brasil e devido as manifestação que temos recebido é de que abertura desse mercado está perto e expectativa que temos é que se consolide”, afirmou.

O Brasil deve aumentar entre 10% e 12% a produção de carne durante o ano que vem, embarcando cerca de 1,5 milhão de toneladas.

Caso as expectativas se concretizem, o faturamento de 2018 terá aumento de 10,5% em relação ao de 2017.


menu
menu