Dia dos Pais: vendas para a data devem crescer 3%

Dia dos Pais: vendas para a data devem crescer 3%

As vendas para o Dia dos Pais devem crescer em até 3% em relação ao ano passado, de acordo com estimativa da Federação das Câmaras Dirigentes Lojistas do Estado de São Paulo (FCDLESP). O tíquete médio de compras deve estar compreendido na faixa entre R$ 100,00 e R$ 150,00, enquanto que nas pequenas e médias cidades do interior paulista devem estar entre R$ 60,00 e R$ 100,00.

A previsão de 45% das CDLs entrevistadas é de que o avanço das vendas pode ser tímido e atingir 3%. Já 18% delas acreditam em até 5% de aumento.

E embora a economia apresente melhora, o crescimento do consumo ainda deve ser lento e gradual, conforme estima a Federação. “O país ainda passa por muitas incertezas, tanto políticas quanto econômicas. Estas razões fazem o consumidor ficar mais cauteloso e pensar em comprar o essencial”, explica o presidente da FCDLESP, Mauricio Stainoff.

Isso não significa que filhos deixarão de presentear seus pais, mas pode ser uma data de lembrancinhas em que alguns setores da economia se destacarão mais, aponta Stainoff. “Vestuário, calçados e perfumaria são segmentos que tendem a faturar mais nesta época”, comenta.


menu
menu