Consumo mostra melhor resultado a partir de itens de giro rápido

Consumo mostra melhor resultado a partir de itens de giro rápido

O terceiro trimestre de 2018 registrou um sutil avanço no consumo do país, motivado pelo maior volume médio por visita na cesta de FMCG (Fast Moving Consuming Goods), como são conhecidos os itens de giro rápido. A notícia positiva consta no Consumer Insights, estudo da Kantar Worldpanel, que acaba de ser divulgado pela empresa de pesquisa.

As responsáveis por esse impacto positivo foram as classes C e DE, conforme apontam as informações do levantamento. As regiões Leste + Interior do Rio de Janeiro e Nordeste foram as que mais contribuíram.

A análise também mostra que o atacarejo segue como o destino favorito dos consumidores, sendo o principal canal para a compra dos FMCG. Na contramão desse movimento, o varejo tradicional e o porta a porta continuam perdendo espaço. Em relação às cestas, perecíveis (com destaque para leite fermentado) e mercearia doce se sobressaem.

Sobre os alimentos, as categorias mais sofisticadas crescem, trazendo praticidade, valor agregado e também uma alimentação mais prazerosa – foi constatado que 27% de importância das ocasiões de consumo é por prazer. Além do leite fermentado, leite em pó, batata congelada, pão industrializado, massa fresca e azeite estão entre os itens que seguem na lista de compras pelo prazer que trazem para a alimentação do lar. Enquanto isso, fora de casa, os indivíduos buscam principalmente por sabor (50% das ocasiões de consumo fora do lar são por sabor).


menu
menu