Consumo de atum é superior ao de sardinha entre os paulistanos - SuperVarejo
Consumo de atum é superior ao de sardinha entre os paulistanos

Consumo de atum é superior ao de sardinha entre os paulistanos

A piscicultura nacional produziu 697 mil toneladas de peixes de cultivo no último ano, gerando uma renda primária ao produtor de R$ 5,4 bilhões. Esse resultado é 8% superior ao de 2016, quando o registro foi de 640.510 toneladas. As informações são da Associação Brasileira da Piscicultura (Peixe BR, São Paulo/SP) e fazem parte do anuário da piscicultura brasileira (edição 2018), que foi publicado recentemente.

De acordo com informações do portal Feed&Food, a Tilápia é a mais importante espécie de peixes cultivados do Brasil. Segundo levantamento inédito da Peixe BR, a espécie representa mais da metade do mercado (51,7%), com 357.639 toneladas em 2017.  Esse resultado coloca o Brasil entre os quatro maiores produtores do mundo, atrás apenas da China, Indonésia e Egito.

E quando o assunto é consumo, as sardinhas lideram o mercado nacional com 70%, conta apenas 30% dos atuns. Porém, o mercado de São Paulo não se enquadra nessas estatísticas. De acordo com o diretor comercial da Robinson Crusoe, fabricante de pescados em conserva, David Pontes Cavalcante, há um consumo mais forte de atuns, onde a relação é 60/40, respectivamente. “Ao longo dos últimos três anos o consumo de sardinha caiu de forma expressiva em São Paulo. Então o atum é a bola da vez. Antigamente não se tinha um poder aquisitivo para se consumir tanto atum, mas hoje em dia ele está cada vez mais presente na mesa do consumidor, visto que ele é sinônimo de alimentação saudável”, explicou.

Além de comentar sobre o mercado de peixes, Cavalcante aproveitou para fazer um balanço da Robinson Crusoe no ano de 2017. “No ano anterior, apesar de ter sido um ano de recesso nacional, a Robinson Crusoe resolveu investir, ir contra o recesso político e econômico. Foi um resultado positivo para nós, visto que estamos voltando para São Paulo e, consequentemente, fazendo novos clientes”, comentou.


menu
menu