Cade aprova venda do Walmart no Brasil

Cade aprova venda do Walmart no Brasil

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou a venda das operações brasileiras do grupo de varejo do Walmart para a empresa de investimentos Advent sem impor restrições, de acordo com o despacho publicado, nesta sexta-feira (22/06), no Diário Oficial Da União.

A operação foi anunciada no dia 04/06, conforme publicado no portal da SuperVarejo. O Walmart acertou a venda de 80% de suas operações no Brasil para um fundo da Advent, registrando no segundo trimestre uma perda líquida não caixa de cerca de US$ 4,5 bilhões.

Em parecer, o Cade afirmou que com a aquisição, a Advent terá “sobreposições horizontais apenas parciais ou integrações verticais” em relação às atividades da rede de varejo norte-americana. A Advent tem participação no varejo do país em uma série de redes, incluindo Restoque, de moda de alto padrão, e IMC, de restaurantes.

O grupo de investimentos anunciou que pretende colocar bilhões nos próximos dois anos para converter lojas não lucrativas no formato atacarejo. A companhia está desde 1997 no Brasil e seu fundo já investiu em mais de 30 empresas brasileiras de diversos setores. Mundialmente, nos últimos 28 anos, a Advent realizou 40 investimentos no segmento de varejo em 14 países.

“Após um fechamento previsto para o final deste ano, o Walmart não espera nenhum impacto significativo contínuo para o lucro por ação no atual ano fiscal e um leve impacto positivo no próximo ano fiscal”, comunicou a empresa em comunicado.

“Acreditamos que com nosso conhecimento do mercado local e expertise em varejo, poderemos posicionar a empresa para gerar resultados expressivos e alcançar novos patamares de sucesso no Brasil. Planejamos investir no negócio e trabalhar com a equipe da empresa para criar um ambiente mais ágil e moderno, a fim de acelerar o seu desenvolvimento e melhorar a experiência do consumidor”, disse, em nota, managing partner da Advent International, Patrice Etlin.

“Manteremos participação no Walmart Brasil e continuaremos compartilhando nossa experiência global em varejo, dando ao nosso negócio no Brasil a melhor oportunidade de crescimento de longo prazo, proporcionando oportunidades para nossa equipe e preços baixos para os clientes”, explicou o vice-presidente executivo e CEO do Walmart nas regiões de Reino Unido, América Latina e África, Enrique Ostale.


menu
menu